Coloproctologia | Endoscopia | Colonoscopia | Videolaparoscopia

Coloproctologia é uma especialidade médica responsável pelo pelo diagnóstico e tratamento das afecções que acometem o trato digestório terminal, compreendendo os seguintes órgãos: cólons, reto e ânus. Compreende também uma série de procedimentos de diagnóstico, como a colonoscopia, a manometria e a ultrassonografia endorretal.

coloproctologia-coem
coem-icons-maca

Endoscopia Digestiva Alta (EDA)

Endoscopia Digestiva Alta é um exame que permite a visualização da parte superior do trato gastrointestinal (esôfago, estômago e duodeno) e é indicado para estudo, diagnóstico e tratamento de doenças na referida região.

O exame é realizado com aparelho conhecido como endoscópio (um tubo fino e flexível, introduzido através da boca do paciente) que permite a visualização do esôfago, estômago e porções iniciais do intestino.

O aparelho permite ainda a realização de biópsia, procedimento que retira pequenos fragmentos de tecidos lesados para análise e avaliação de uma série de doenças tais como gastrites e úlceras.

Indicações

– Anemia ferropriva (causada pela carência de ferro);
– Refluxo gastroesofágico;
– Vômitos frequentes;
– Sangramentos no trato gastrointestinal;
– Diagnóstico de câncer gastrointestinal
– Infecções causada pela bactéria H. Pylori

coem-icons-maca

Colonoscopia

A colonoscopia é um exame que permite ao médico visualizar e analisar o revestimento interno do intestino grosso e parte do delgado, correspondente ao reto, ao cólon e o íleo terminal.

O exame possibilita encontrar pólipos, tumores, inflamações, úlceras e outras alterações do órgão e ainda a coleta de material para estudo histológico, bem como a remoção de lesões pré-malignas (pólipos) sem a necessidade de intervenção cirúrgica.

Para a realização da colonoscopia é utilizado um aparelho chamado colonoscópio (tudo fino e flexível introduzido através do ânus) que permite a visualização de todo o intestino grosso e uma porção do intestino delgado.

Nesse trajeto, quaisquer alterações identificadas ou lesões suspeitas são removidas pelo médico e, em seguida, encaminhadas a estudo histopatológico.

É indicado na investigação de:

– Câncer de cólon e reto ou pólipos
– Sangue nas fezes ou hemorragia retal
– Fezes escuras ou pretas
– Diarreia crônica
– Anemia ferropriva
– Colite
– Dor abdominal crônica

coem-icons-videolaparoscopia

Videolaparoscopia

Videolaparoscopia é uma técnica cirúrgica minimamente invasiva que pode ser utilizada tanto para diagnóstico ( VL diagnóstica) quanto para tratamento (VL cirúrgica). Ela é realizada com o objetivo de observar as estruturas presentes na região abdominal e pélvica e, caso haja necessidade, remoção ou correção da alteração.

É um exame simples que deve ser feito sob anestesia geral e consiste na realização de um pequeno corte na região próxima ao umbigo por onde deve entrar um pequeno tubo que contém gás carbônico e uma microcâmera em seu interior. Normalmente são realizados outros pequenos cortes na região abdominal por onde passam outros instrumentos para explorar a região pélvica, abdominal ou para realizar a cirurgia.

Para a realização do exame são necessários exames anteriores, como os pré-operatórios e a avaliação do risco cirúrgico.

Dr. Alexandre Antonio da Silva

CRM-DF 11349
Coloproctologia

Dr. Alexandre Antonio da Silva

CRM-DF 11349

Coloproctologia